Where’s Wally?

June 10, 2007 at 12:47 pm (Livros/BD/revistas)

Tenho dado poucas notícias, mas entre o trabalho e as actividades extra-laborais sobra-me pouca energia para escrever.

No entanto, o trabalho tem dado frutos, e em breve, os resultados estarão à vista de todos. Novidades e colaborações importantes entretanto surgiram, e no final deste mês podem esperar uma surpresa a que me irei ver associada. Alguns irão odiar, outros irão adorar e não digo mais. Podem também esperar novidades em relação ao Fórum Fantástico.

Mais uma tradução minha irá sair este ano, já este verão. A Sereia de Curitiba já se encontra finalizado e sobrevivi, incólume, à loucura Rhysiana total. Penso que o resultado final irá ser muito interessante, tão só pelas ilustrações de Paulo de Barros, das quais já tivemos um vislumbre aqui, como pelo trabalho gráfico inovador e cuidadoso da Livros de Areia.

Se é a última tradução, não o sei dizer. Podem surgir coisas interessantes no horizonte.

A minha própria escrita não tem avançado absolutamente nada em termos práticos, mas os últimos seis meses têm sido férteis em experiência e ideias e tenho andado a preparar o terreno para um projecto ambicioso. Tenho a sensação de que se começasse a escrever agora, seria vastamente diferente da pessoa que escrevia em 2006, de tal forma tudo mudou.

Talvez um dos grandes desafios dos nossos tempos seja a habilidade de nos adaptarmos à mudança constante, seja para o pior ou melhor. E tal é o ritmo feroz e trepidante que marca o tom e passo nas nossas vidas clamadas por um mundo moderno que, muitas vezes, não conseguimos ver ou saber quando é tempo de seguir em frente e quando é tempo de optar pela via mais segura. Blessed is the man who finds wisdom, é o que se diz.

Nos livros, a passagem pela última feira do livro de Lisboa rendeu-me três preciosidades que fiz questão em adquirir. Três livros de uma prosa mágica, e é absolutamente certo que o autor versa sobre o tema escolhido com a sabedoria que advém da idade e o talento puro.

São eles:

Futebol: Sol e Sombra de Eduardo Galeano

O Segredo do Bosque Velho de Dino Buzzati

 

As Cruzadas Vistas pelos Árabes que nunca cheguei a possuir, mas não pude resistir à nova edição elegante da Difel.

Talvez ainda regresse hoje à feira no último dia. Talvez.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: